terça-feira, 30 de novembro de 2010

BONECA INSUFLÁVEL

Tu, oh, homem a quem Nietzsche já não satisfaz nem Baudrillard!
Por te julgares tão homem, pensas que não podes ter contracções nem parir coisa nenhuma?
; pois bem, há homens que dão mais luz à Vida do que muitas mulheres com ninhadas de dez.
Só tu é que não vês porque temes a imputação, então, amputas-te.
Porque – não sei se sabes – pode haver mais alma num só seixo do que num metro empanturrado de nações.
Porque és tu que tens de escolher os teus trilhos e fazer desabrochar estrelas no teu peito.
E tudo enquanto à tua volta chovem bigornas acesas e a Terra se contrai de dez em dez minutos.


Suzana Guimaraens

in paradox.sou

Sem comentários:


contador gratis